Publicado em 11 d Outubro d 2017

Fernão Dias prevê fluxo de veículos superior a um milhão durante o feriado

Concessionária orienta para que usuários respeitem a sinalização da via, não excedam a velocidade e façam manutenção nos veículos antes de pegar estrada.

Fernão Dias

A Autopista Fernão Dias, concessionária do Grupo Arteris, irá disponibilizar recursos operacionais extras e esquema diferenciado de sinalização em trechos específicos da BR-381 para aumentar a segurança dos usuários durante o feriado prolongado de 12 de outubro, Dia de Nossa Senhora Aparecida. A operação especial de tráfego terá início nesta quarta-feira (11), as zero horas, e se estenderá até o meio dia de segunda-feira (16).
Nesse período cerca de 1,3 milhão de veículos devem passar pela rodovia no trecho entre São Paulo e Belo Horizonte. A concentração do tráfego deve acontecer nos dois extremos da rodovia: entre Guarulhos e Atibaia e entre Contagem e Igarapé (MG). A expectativa é de que o fluxo fique intenso a partir das 14h de quarta-feira.
As obras serão reduzidas neste período e não haverá trechos com interdições na via na quinta-feira (12) e domingo (15). As obras serão normalizadas na segunda-feira (16) após o término da operação especial. Para uma viagem mais tranquila, a concessionária orienta os usuários a adotarem medidas de segurança, como fazer a revisão prévia no veículo e utilizar sempre o cinto de segurança em todos os bancos, além da cadeirinha infantil para o transporte de crianças. É importante respeitar os limites de velocidade e programar paradas ao longo da viagem para descanso e alimentação.

Pesquisa de comportamento
Um estudo realizado pela Arteris, entre os dias 15 e 27 de julho de 2017, examinou as principais desculpas dadas por motoristas ao admitir comportamento de risco no trânsito. A pesquisa entrevistou 379 motoristas do Estado de Minas Gerais e abordou quatro eixos de análise, entre eles, o excesso de velocidade, que favorece a perda de controle do veículo e pode aumentar a gravidade das colisões e das lesões das vítimas. Dirigir acima da velocidade permitida está caracterizado como infração gravíssima no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e é a segunda infração mais recorrente entre as análises do estudo. No levantamento, 42,4% dos motoristas mineiros admitiram exceder os limites de velocidade e, para esses, as três principais desculpas apresentadas foram a pressa (20,1%), os limites de velocidade baixos (15,3%) e a falta de atenção (11,2%).
A pesquisa também aponta que 31,3% dos motoristas mineiros dirigem após ingerir bebida alcoólica. Deste público, 19,9% alegaram que o álcool não altera a condição de dirigir. “Somente obras e inovação não é o suficiente para mudar a realidade do trânsito no país. Também é preciso investir em ações de sensibilização para mudar o comportamento dos condutores”, diz o diretor superintendente da concessionária, Helvécio Tamm de Lima Filho.

Deixe seu comentário

Para postar um comentário, você precisa de uma conta.
Faça login
ou
Registre-se

Enquete

  Você é contra ou a favor do comércio em praças públicas?

A FAVOR
CONTRA

Última Edição

  Digite seu email abaixo para receber mensagens periodicamente com nossas últimas noticias:


Notícias por Data

Jornal O Atibaiense © 2010

Rua Rio de Janeiro, 107 - Atibaia Jardim - Atibaia - SP - (11) 4413-0001